5 excelentes motivos para aprender o francês

Aprender o francês é sem dúvidas um grande investimento em todas as áreas de nossa vida. Seja na profissional, pessoal ou acadêmica, em todas elas vamos ganhar muito com o aprendizado desse lindo idioma. Conseguir um bom emprego, viajar sem medo de ser feliz pela França (ou em qualquer outro país francofone) ou estudar em uma das melhores universidades francesas, tudo isso é possível para quem fala esse lindo idioma. Sem contar que o francês é um dos idiomas mais importantes na comunicação e nas relações internacionais em todo o mundo. Então para quem tem interesse em trabalhar em grandes organizações internacionais como a ONU, Unesco e etc, falar francês é mais que essencial. Pensando nisso, vamos compartilhar com vocês 5 excelentes motivos para você se interessar de verdade pelo aprendizado da língua francesa.

1 Comunicação a nível mundial

Hoje são mais de 274 milhões de pessoas espalhadas pelo mundo todo que falam o francês, dessas 212 milhões falam o francês diariamente.
80 Estados e Governos adotam o francês como idioma oficial ou alternativa e fazem parte da OIF (Organização Internacional da Francofonia). É o 9º idioma mais falado do mundo. 3º idioma de negócios do mundo. Vale lembrar que o francês é ensinado em todos os países do mundo, o que acontece apenas com o inglês. Além do mais, cerca de 200 milhões de pessoas aprendem francês como língua estrangeira, o que faz dela a segunda língua mais ensinada no mundo seguida do inglês. Há comunidades francófonas em 56 países e territórios. Então, falar o francês é ter a chance de se comunicar sem medo em qualquer lugar do mundo. Outra nota importante: o francês hoje é o segundo idioma mais usado na internet.

2 Vida acadêmica & profissional

Quando você aprende o francês você acaba melhorando o seu inglês, ou acaba facilitando o seu aprendizado do inglês também, pois boa parte do vocabulário inglês vem do francês. Quando você estuda o francês você tem facilidade em compreender vários vocabulários técnicos referentes a vários temas, tais como: Justiça, Política, História, Artes, Gastronomia e etc. O que facilita bastante a nossa vida acadêmica com pesquisas e etc. Sem falar que o francês estimula a memória e as funções cerebrais, o que acaba por favorecer o pensamento criativo e crítico, graças a sua lógica cartesiana. Então, investir no aprendizado do francês é ter a certeza de um ótimo investimento no campo acadêmico e profissional.

3 Facilidade no aprendizado de outros idiomas

Essa é uma boa notícia para nós que falamos o português: o francês é um dos idiomas que requer menos horas de formação até atingir um bom nível de proficiência, caso você já tenha conhecimentos de inglês o aprendizado é ainda mais rápido. Segundo o Defese Language Institute, para um aprendiz adulto são necessárias cerca de 720 horas de estudo para atingir o nível avançado, enquanto que para o aprendizado básico de árabe, chinês, japonês e coreano são cerca de 1000 horas de estudo. Sem contar que para nós, falantes do português, e para quem fala espanhol e italiano, o francês se torna um pouco mais fácil, uma vez que temos as mesmas raízes: o latim do Império Romano.

4 Bolsas de Estudo no exterior & Investimento de Carreira

Como já explicamos acima, quando aprendemos o francês acabamos por facilitar o aprendizado de outros idiomas. E já com um bom nível do idioma podemos concorrer a bolsas de estudos no exterior. Aqui na França existem várias bolsas de estudos para brasileiros, porém todas exigem um bom conhecimento da língua, geralmente o candidato precisa ter no mínimo o nível B2 (nível intermediário) e um bom histórico escolar. Sem contar que ter um diploma em uma renomada universidade francesa é, sem dúvidas, um grande investimento de carreira.

5 Compreender melhor o mundo e a sua diversidade cultural

Aprender o francês significa aprender a compreender melhor a diversidade cultural do mundo. O aprendizado desta língua nos ajuda a evoluir mentalmente. Você se torna uma pessoa de mente aberta e muito mais disponível tanto a nível pessoal, quanto profissional. Depois do aprendizado do idioma você já quer fazer a diferença no mundo e começar a trabalhar em grandes organizações internacionais como a ONU, a Unesco, a Anistia Internacional, ou então ser Diplomata. Lembrando que o francês é o idioma oficial em todas as agências das Nações Unidas e em grande número de organizações internacionais.

Voilà! Espero que tenham gostado dos 5 motivos para aprender esse idioma lindo.E então, quais são as suas motivações para o aprendizado da língua francesa? P.S: Pensando justamente nos amigos do blog que querem aprender um pouco mais de francês temos uma novidade: Vamos tentar ajudá-los com o novo projeto da página que está prestes a começar: aulas de francês de graça direto de Paris, então caso você queira participar inscreva-se no nosso canal no youtube> inscreva-se aqui . Em breve, vamos entrar em contato com todos os interessados. A intenção é ajudar quem precisa aprender o francês.  Merci à tous et à bientôt!

Oui!

Francês é eleito o idioma mais sexy do mundo

O aplicativo de ensino de idiomas Babbel realizou uma pesquisa para saber qual a língua mais sexy do mundo. E os seus mais de 14 mil usuários do mundo inteiro responderam uma série de perguntas relacionadas ao tema e o resultado foi o seguinte:

Oui!

Em primeiro lugar, com 34,7% de preferência, o Francês foi escolhido como o idioma mais sensual do planeta. A pesquisa revelou também que os franceses são donos do sotaque mais bonito e alguns dos termos mais sensuais do planeta, como “amour”, “chérie” e “je t’aime”.

Em segundo lugar, com 24,4% das respostas, está o italiano, que tem o sotaque mais sensual para os franceses, espanhóis e suecos. E entre os termos mais sensuais estão “amore mio”, “ciao bella”, “ti voglio bene”, “ti amo” e “buona notte”.

Em terceiro lugar, entre as línguas mais sensuais do mundo está o espanhol, com 15,8% dos votos, quase empatado com o inglês, tanto dos Estados Unidos, como do Reino Unido. Foram escolhidos também os idiomas menos sensuais do planeta: Em ordem são eles: chinês, alemão e russo.

Todo mundo já sabia que o francês é de verdade uma língua charmosa e de uma simplicidade única que a torna muito chique. Agora a gente sabe que é a língua mais sexy do mundo também. Então vamos estudar a língua mais sexy do mundo? Se você quiser mais dicas e aprender um pouco mais de francês com a gente, temos uma novidade: Vamos tentar ajudá-los com o novo projeto da página que está prestes a começar: aulas de francês de graça direto de Paris, então caso queira participar se inscreva no nosso canal no youtube> se inscreva aqui . Estamos preparando todo o material para começar. Assim que estiver tudo pronto entraremos em contato com todos os interessados. Merci à tous et à bientôt!

3 excelentes motivos para você querer morar e estudar na França

Nem precisa falar em arte, historia, cultura, gastronomia. Isso todo mundo já conhece. Na verdade são diversos motivos para você querer morar e estudar na França. Se você ainda não se convenceu de que a França é o melhor destino para realizar seus estudos no exterior, veja abaixo apenas 3 dos vários motivos que podem te ajudar a se decidir.

1) A qualidade do ensino superior francês

A excelência do ensino superior francês é mundialmente conhecida. Apesar do aumento da competitividade de universidades de diversas regiões nos últimos anos, as universidades francesas sempre são bem avaliadas nos rankings internacionais. De acordo com ranking de Shanghai, por exemplo, a Université Pierre et Marie Curie, renomada no campo científico e na área das ciências médicas, está entre as 6 melhores universidades da Europa. Dentre as melhores escolas de comércio da Europa, a França ocupa a 1ª posição, conforme classificação do Financial Times.

Atualmente, existem 83 universidades públicas na França, as quais oferecem um ensino de alto nível por um custo relativamente baixo quando comparado com o das formações preparadas em outros países (aprox. 190 € por ano para Licence e aprox. 260 € por ano para Master). Essa é a principal vantagem que somente o ensino superior francês pode oferecer: formações de qualidade e financeiramente acessíveis. Isso só é possível porque, a cada ano, a França investe massivamente em ensino e pesquisa, destinando mais de 20% dos recursos do orçamento nacional à Educação.

2) Abertura internacional do ensino superior

A França é um dos países que mais recebem estudantes no mundo. Depois dos Estados Unidos (535.000) e da Grã-Bretanha (340.000), a França acolhe cerca de 280.000 estudantes por ano, o que representa 12% do efetivo total de estudantes em mobilidade internacional. Tal atratividade é reforçada pelo fato de a França adotar uma política de igualdade de tratamento entre estudantes franceses e estrangeiros. Todos os estudantes podem desfrutar dos mesmos benefícios sociais concedidos pelo Estado francês (seguro saúde, auxílio moradia e reduções no transporte), independente de sua nacionalidade.

bolsas de estudos para brasileiros na França

3) A qualidade de vida e cultura francesa contemporânea

Viver na França significa ter à sua disposição o melhor sistema de saúde do mundo, segundo classificação da Organização Mundial da Saúde. Graças a um sistema amplo e eficaz, os franceses apresentam um dos mais altos índices de expectativa de vida (77 anos para os homens, 84 para mulheres). Além disso, gozam de um regime de trabalho de 35 horas semanais, o que lhes permite dedicar muitas horas a diversas atividades de lazer, esporte, cultura e arte, assim como apreciar a sua renomada gastronomia, classificada como patrimônio cultural imaterial pela UNESCO.

Como a França faz fronteira com 9 países da Europa e dispõe de uma importante rede de transporte ferroviário e aéreo, além de morar em um país central onde acontecem importantes eventos e conferências internacionais, o estudante terá a oportunidade de conhecer as principais cidades europeias do chamado Espaço Schengen com somente um visto.

Por fim, estudar na França é a ocasião de aprender ou aperfeiçoar o francês, língua mais estudada depois do inglês e falada por mais de 250 milhões de pessoas. Pois é, só esses 3 motivos já são o suficiente para provar que a França é mesmo uma mãe. E pensando justamente nos amigos do blog que querem aprender um pouco mais de francês temos uma novidade: Vamos tentar ajudá-los com o novo projeto da página que está prestes a começar: aulas de francês de graça direto de Paris, então caso queira participar se inscreva no nosso canal no youtube> se inscreva aqui . Em breve, vamos explicar como vai ser o curso. A intenção é ajudar quem precisa aprender o francês. Merci à tous et à bientôt!

Outra informação importante que é válido ressaltar: Todo procedimento do visto francês você deve fazer pelo site do Campus France Brasil para quem ainda não sabe o Campus France é a agência governamental francesa responsável pela promoção do ensino superior, o acolhimento e a mobilidade internacional. Presente em mais de 80 países, foi implantado no Brasil em 1998. Todo o processo de visto estudantil para a França deve ser feito diretamente com eles.

 

 

 

francês para viagens

70 dicas de vocabulário básico de francês para viagem para você aproveitar ainda mais a sua estadia na França!

francês para viagens
francês para viagens

Bonjour à tous. Quando eu cheguei em Paris eu já tinha estudado a língua francesa, porém como não utilizava com frequência eu acabei esquecendo muita coisa, o que é normal. Quando você chega por aqui e procura palavras para falar e não consegue, você fica bloqueado e com vergonha e muito medo de falar besteira, você começa a falar baixo com medo de falar errado. Quem nunca passou por isso? No início eu passei muito por isso. Então, por esse motivo e para ajudá-los estou deixando aqui pra vocês 70 dicas de vocabulário básico de francês para viagem, assim vocês já vão conseguir falar um pouco em francês, sem grandes problemas. Vamos lá. On y va!

Saudações:

1 –  Bom dia – Bonjour (“bonjurr”) // utilizado o dia inteiro, da manhã até o pôr do sol, que depende da estação do ano pode chegar ser as 22h, então ainda tem gente falando bonjour até 21h. Eu acho estranho, mas já acostumei.

2 – Sendo uma mulher “bonjour Madame” (“bonjurr madame”, a pronúncia do “e” é bem fraca). O bonjour é formal, utilizado entre pessoas desconhecidos e principalmente, no ambiente de trabalho. 

3 – Sendo um homem “bonjour Monsieur” (“bonjurr mêssiê”). O bonjour é formal, utilizado entre pessoas desconhecidos e principalmente, no ambiente de trabalho.

4 – Boa tarde – Bon après-midi ou Bonne après-midi (bon apré-midi) . É raramente utilizado por aqui, pois o Bonjour dura o dia inteiro, até a noite cair. Como já disse antes, por exemplo, agora no verão o sol está se pondo por volta das 22h, então tem gente que até as 21h ainda fala o bonjour. Rs. Ah outro caso é quando você já viu a pessoa pela manhã, então já falou bonjour, neste caso você pode falar o bon après-midi ou quando você está se despedindo da pessoa logo no começo da tarde.

5 – Boa noite – Bonsoir (“bonsoar”). Quando já estiver escuro as pessoas automaticamente começam a utilizar o bonsoir. É utilizado no início da noite.

6 – Boa noite – Bonne nuit ( bone nuí). É utilizado para desejar uma ótima noite de sono, antes de ir dormir você fala bonne nuit.

7 – Olá – Salut – (“saliú” ) É informal, utilizado entre amigos e conhecidos. (“Saliú” – o biquinho francês vem desse som do U que não existe no nosso português). Vou mostrar para vocês como é a pronúncia nas nossas aulas no canal no youtube.

8 – Muito prazer – Enchanté(e) – (“anchantê”). Toda vez que você conhece uma pessoa nova sempre fale isso. 

9 –  Meu nome é… – Je m’appelle… (je mapéle…). É utilizado sempre que você for se apresentar. 

10 –  Como se chama? Comment vous appelez-vous ? (“comâm vu zapelê vu”)  Sempre utilizando a segunda pessoa do plural: vous, pois você ainda não é amigo e não tem intimidade com a pessoa. O vous é bem formal e mostra a distância e o respeito, caso você fale com a segunda pessoa do singular: tu, você corre o risco de passar por uma situação chata. 

11 –  Como está? Comment vas-tu? (“coman va tiu” – u com biquinho novamente) – se você conhecer a pessoa

12 – Como vai você – Comment allez-vous? (“coman talê vu”) mais formal, utilizado entre pessoas que não são muito próximas ou quando falamos com pessoas mais velhas).

13 – Muito bem, obrigado(a). Très bien, merci. (“trré bian, merrci”). O “r” em francês tem uma pronúncia particular, é um pouco complicado pra gente pegar, mas com o tempo e a prática a gente consegue. 

14 – E você – Et toi? (“Ê tuá”) ou e o senhor(a) ? Et vous? (“Ê vú”)

15 – Como vai o senhor(a)? Comment allez-vous? (“coman talê vú”) – Para pessoas que você não conhece.

16 –  Como vai (você) ? Comment vas-tu? (“coman va tiu” – dá-lhe biquinho!) – Para amigos e conhecidos.

17 –  Tudo bem? Ça va? Para amigos e conhecidos. 

18 –  Tenha um bom dia – Bonne journée (“bóne jurnê”) – é utilizado sempre na despedida, depois do bonjour você sempre fala o bonne journée para desejar um ótimo dia a pessoa.

19 –  Tenha uma boa noite – Bonne soirée (“bóne soarê”) – é utilizado sempre na despedida, para desejar uma ótima noite para a pessoa.

20 –  Tchau! Salut! (“Saliu” – o biquinho francês vem desse som do U que não existe no nosso português). Como já disse antes, acho estranho se despedir com o salut, mas aqui na França é normal. O salut para o olá e para o tchau! 

21 –  Adeus – Au revoir (“ô revoarr”)

22 –  Até logo – À tout à l’heure (“à tu tá lérre”)

23 –  Até breve / até à próxima – À bientôt (“à biantô”)

24 –  Até à vista – À plus! (a plus, neste caso você pronuncia mesmo o “s”, na maioria dos casos ele não é pronunciado).

Educação

25 – Obrigado(a) / Muito obrigado(a) – Merci / Merci beaucoup (mérci / mérci bôcu) – sempre utilize isso, sempre mesmo!

26 – Obrigado(a), igualmente – Merci, également (“mérci, egalemon”)

27 – Agradeço-lhe a sua ajuda – Je vous remercie de votre aide (“je vu remérci de votréde”)

28 –  Muito obrigado(a) por tudo – Un grand merci pour tout (“an grran mérrci purr tu”)

29 –  De nada  – De rien (dê rian).

30 – C’est gentil. C’est très gentil. (“Cê jonti” ou “Cê trré jonti”) / Expressão para agradecer pela gentileza quando alguém te ajuda com alguma coisa. P.S: É sempre bom falar isso. Mostra a sua educação em reconhecer a ajuda recebida.

31 –  Por favor – S’il vous plaît (“cil vu plé”)

32 –  Desculpe – Pardon (“parrdon”)

33 –  Com licença – Excusez-moi (“excuzê moá”) – sempre com a pronúncia do “zê” no final para mostrar que você está utilizando a 2a pessoa do plural – vous. 

34 –  Sinto muito / tenho muita pena – je suis vraiment désolé (“je sui vrréman dêsolê”)

35 – Desculpe o atraso – désolé d’être en retard (“dêsolê détre an retarr”)

36 –  Desculpe incomodá-lo – désolé de vous déranger (dêsolê de vu dêrrangê)

37 –  Não tem importância / não faz mal – ce n’est pas grave (“ce né pá grrave”)

38 –  Desejo-lhe uma boa viagem – Je vous souhaite un bon voyage (“je vu suéte un bon voiage”)

Indicações / Informações:

39 – Eu estou procurando: o metrô / o restaurante… / o hotel… / a estação de trem / o aeroporto – Je cherche (” je chérch”) : le metrô / le restaurant (“le restôrran”) /l’hôtel (“lôtél”) / la gare (“la gárr”) / l’aéroport (“laêrropórr”)

40 –  Onde posso pegar um taxi ? Oú puis-je trouver un taxi? (“u puije trruvê un taxí”)

41 –  Onde posso pegar o ônibus ? Oú puis-je prendre le bus? (“u puije prrendrre le bius”)

42 -Onde fica a rua / praça / avenida – Je cherche la rue / place / avenue (“je chérrch la riu / place / aveniu”)

43-  Eu gostaria de ir – Je voudrais aller (“je vudré alê”)

44 – Sabe onde fica – Savez-vous oú c’est (“savê vu u cé”)

45 – Vá: à direita / à esquerda / sempre em frente – Allez: à droite / à gauche / tout droit (“alê: à drroát / à gôch / tu drroá”)

46 –  Sim – Oui (uí)

47 –  Não – Non. 

48 – Desculpe, não entendi – Pardon, je n’ai pas compris (“parrdon, je nê pá comprrí”)

49 – Pode repetir? Pouvez-vous répéter ? (“puvê vu rêpêtê”)

50 – Pode falar mais devagar por favor ? Pouvez-vous parler plus lentement s’il vous plaît ? (“puvê vu parlê plu lanteman cil vu plé”)

51 – O senhor (a senhora) fala inglês / português / espanhol ? Parlez-vous anglais / portugais / espagnol ? (“parlê vu anglé, portiugué, espagnol”)

52 – Qual é o preço ? Combien ça coûte? (“combian ça cut”)

53 – Precisa de mais alguma coisa? Avez-vous besoin d’autre chose? (“avê vu besoan dôtrr chôz”)

54 – Sim, eu gostaria – Oui, je voudrais… (“uí, je vudré”)

55 –  Não, é tudo – Non, c’est tout (“non, cé tu”)

56 –  Vai pagar como ? Vous payez comment? (“vu peiê comon”)

57 – Vou pagar em dinheiro – Je vais payer en espèces (“je vá peiê an espéss”)

58 –  Vou pagar com cartão – Je vais payer par carte (“je vá peiê párr carrt”)

59 – Pode ficar com o troco – Gardez la monnaie – (Gardê la monê). Para comunicar ao garçom que ele pode ficar com o troco como uma forma de gorjeta. Lembrando que 0s 10% já estão incluídos na conta, então você não é obrigado a deixar gorjeta, mas caso você receba um bom tratamento no restaurante você pode agradar sim o garçom deixando uma gorjeta em agradecimento ao bom serviço prestado.

Restaurante:

60 – Gostaria de uma mesa para 2/3/4 pessoas – Je voudrais une table pour deux/trois/quatre personnes (“je vudré unn táble purr dê/trroá/quatrr perssónn”)

61-  Posso consultar o cardápio, por favor ? Puis-je avoir le menu, s’il vous plaît ?(puíje avoarr le meniu, cil vu plé”)

62 –  Vocês têm um menu do dia ? Avez-vous un menu du jour ? (“avê vu un meniu du jurr”) – o “menu du jour” (menu do dia) costuma ser uma ótima opção na França. Normalmente eles não são caros e incluem um prato principal e uma entrada ou sobremesa (ou os dois). É a melhor maneira de comer bem, bastante e barato

63- Você serve comida vegetariana? Avez-vous un menu végétarien ? (“avê vu un meniu vêgêtarian”)  Perguntando se o restaurante possui pratos vegetarianos. Isso é para os amigos vegetarianos, aqui em Paris não é tão difícil achar opções vegetarianas.

64 – Posso ter uma garrafa de água? Puis-je avoir une carrafe d’eau ? (“puíje avoárr unn carráff dô”) – A “carrafe d’eau” também é uma boa maneira de economizar durante sua viagem pela França. Em todos os restaurantes, simples ou chiques, você pode pedir uma garrafa de água grátis. É da torneira, mas é perfeitamente potável.

65 – Posso ter uma garrafa de água? Puis-je avoir une bouteille d’eau (une butei dô): neste caso é uma garrafa de água mineral, plate (pláte) sem gás ou avec gaz, com gás.

66 – Quero: uma cerveja, uma garrafa de vinho, uma coca cola, um copo de água, uma salada, uma sobremesa – Je voudrais: une bière, une bouteille de vin, un coca, un verre d’eau, une salade, un dessert (“je vudré: unn biérr, unn butéi de van, un coca, un vérr dô, unn salád, un dessérr”)

67 – Com ou sem gás? Plate ou gazeuse ? (“plát ô gazêse”)

68 – A conta por favor – L’addition s’il vous plaît (“ladiciôn, cil vu plé”)

69 – Onde fica o banheiro, por favor? – Où sont les toilettes, s’il vous plaît ? ( U son lê toalete,  cil vu plé)

70 – A comida estava deliciosa! Le repas était délicieux ! (“Le répá êtê dêliciô”). Aqui você vai parabenizar pela comida, que quase sempre está muito boa mesmo, não é a toa que a gastronomia francesa foi listada como Patrimônio Imaterial da Humanidade pela UNESCO desde 2010.

Voilà. Agora vocês já podem aproveitar a viagem mostrando um pouco do conhecimento do francês. Posso falar com propriedade que os franceses ficam super felizes quando os turistas tentam se expressar em francês, então não tenham vergonha, falem mesmo. Falem o máximo em francês, depois vocêm podem passar para inglês sem grandes problemas. O importante é começar a conversa em francês.

Por hoje é só, espero que tenham gostado. Se você quer mais dicas e aprender um pouco mais de francês com a gente, temos uma novidade: Vamos tentar ajudá-los com o novo projeto da página que está prestes a começar: aulas de francês de graça direto de Paris, então caso queira participar se inscreva no nosso canal no youtube> se inscreva aqui . Estamos preparando todo o material para começar. Assim que estiver tudo pronto entraremos em contato com todos os interessados.  Merci à tous et à bientôt!

 

Brasileiros podem se candidatar a mais de 200 bolsas de estudos na França

bolsas de estudos para brasileiros na França
bolsas de estudos para brasileiros na França

Essa dica é para quem quer estudar fora e ainda não tem dinheiro para realizar esse sonho. Como eu sempre falo, a França é uma mãe e como mãe oferece muitas coisas boas para os seus filhos, como por exemplo, bolsas de estudos para franceses e também para brasileiros. Então para quem realmente quer vencer na vida vale tentar uma bolsa de estudos na França. Vale lembrar que é fundamental ter um bom nível de francês para conseguir uma bolsa de estudos por aqui. E um detalhe importante: a cada 3 estudantes que escolhem fazer os seus estudos na França,  1 fica definitivamente no país.  Um sonho mais que perfeito, não é mesmo?

Para encontrar informações sobre as bolsas, visite o site do Campus France Brasil, agência do governo francês para promoção do ensino superior na França. O Campus France desenvolveu uma ferramenta de busca para estudantes estrangeiros – basta indicar sua nacionalidade, área e nível de estudos.

A ferramenta possui informações sobre bolsas oferecidas pelos governos francês e de regiões francesas, pela União Europeia e pelo governo brasileiro, além de programas desenvolvidos por organizações internacionais não-governamentais e também instituições de ensino. Cada bolsa tem critérios específicos, que são informados nos editais.

Para quem procura opções de graduação e pós-graduação, é importante saber que, mesmo sem bolsa, estudar na França pode ser mais barato. Não há distinção entre estudantes franceses e estrangeiros. Os brasileiros pagam a mesma taxa de matrícula que os franceses.

Todas as universidades são públicas e têm o mesmo nível de qualidade. O governo francês toma a seu cargo 90% do custo do ensino.

Só lembrando que o anuidade das Universidades francesas é de 200 a 400 euros. Escolas de Engenharia 600 euros. Escolas de Arquitetura 400 a 900 euros. Escolas privadas 5.000 a 12.000 euros.

Os estudantes contam ainda com a possibilidade de morar em residências universitárias, a preços mais baixos, e podem pedir auxílio-moradia ao governo.

Mais informações pelo site do Campus France Brasil para quem ainda não sabe o Campus France é a agência governamental francesa responsável pela promoção do ensino superior, o acolhimento e a mobilidade internacional. Presente em mais de 80 países, foi implantado no Brasil em 1998. Todo o processo de visto estudantil para a França deve ser feito diretamente com eles.

Pensando justamente nos amigos do blog que querem aprender um pouco mais de francês temos uma novidade: Vamos tentar ajudá-los com o novo projeto da página que está prestes a começar: aulas de francês de graça direto de Paris, então caso queira participar se inscreva no nosso canal no youtube> se inscreva aqui . Em breve, vamos explicar como vai ser o curso. A intenção é ajudar quem precisa aprender o francês. Merci à tous et à bientôt!

 

Dicas: Francês Básico para Viagens

francês para viagens
francês básico para viagens

Vamos começar o francês básico para viagens com a parte fundamental do início de qualquer conversa. Então, como cumprimentar em francês? Vamos lá:

Bom dia é bonjour. Bon = bom + jour = dia. Como se pronuncia em português: Bomjurrr puxando o R no final. As parisienses falam Bonjourrrrrrr. Parece que você está ouvindo vários rrrrrr juntos. Mas não precisa fazer charme, apenas fale bomjour arranhando o r no final e ponto. Vale lembrar que educação é fundamental aqui na França, ou seja, você vai precisar falar sempre. Porém você só fala 1 vez por pessoa, no começo do dia, por exemplo, se você encontrar com a pessoa várias vezes no mesmo dia não precisa repetir, aquele bonjour do começo do dia vale.

Mostre sua educação ao começar qualquer tipo de conversa, principalmente se você for pedir alguma informação. O bonjour é usado o dia inteiro até quase 19h. E para ser ainda mais educado no seu início de conversa, ser for uma mulher fale “Bonjour Madame”, a pronúncia do Madame é Madame com um “e” bem fraco no final, quase você não consegue ouvir o ‘e’. E se for um homem fale Bonjour Monsieur, a pronúncia do Monsieur é Mêssiêê.

Vamos agora para o resto do dia: Boa noite é Bonsoir, que se pronuncia bonsuar. Você começa a utilizar à partir das 19h, mas caso a noite chegue mais cedo você já pode utilizá-lo desde que esteja escuro. É uma regra meio estranha. Às vezes, às 20h, eu falo bonsoir e a pessoa me responde bonjour. (rs) E o boa noite para desejar uma noite agradável é bonne soirée, se pronuncia bone suarêê. E o boa noite antes de ir dormir é bonne nuit, se pronuncia bone nuí.

Depois de falar bonjour ou bonsoir para começar a pedir uma informação você precisa falar: desculpe ou com licença. Afinal, você não conhece a pessoa. Então tem que agir com educação para que ela possa te ajudar. Vamos lá. Desculpe é pardon, a pronúncia do pardon é parrdom. E o com licença é Excusez-moi, a pronúncia é excuzê moá, fale bem o ZÊ para mostrar que você está usando o vous (2ª pessoa do plural), pois é assim que se fala com alguém que você não conhece ou não tem intimidade aqui na França, sempre na 2ª pessoa do plural. Isso mostra o grau de educação/respeito. Podemos falar na 2ª pessoa do singular (tu) só com amigos e familiares. Se você falar tu com algum desconhecido corre o risco de levar uma super chamada do tipo: eu te conheço? Me respeite. Então cuidado!

Por hoje é só, espero que tenham gostado. Se você quer mais dicas e aprender um pouco mais de francês com a gente, temos uma novidade: Vamos tentar ajudá-los com o novo projeto da página que está prestes a começar: aulas de francês de graça direto de Paris, então caso queira participar se inscreva no nosso canal no youtube> se inscreva aqui . Merci à tous et à bientôt!

5 expressões preferidas dos franceses. Você conhece todas?

Bon app!
Bon app!

São apenas 5 das inúmeras expressões que a gente ouve no dia a dia na França. É a cara dos franceses. Vamos lá…

(1) C’est pas vrai!

Ao pé da letra: “Isso não é verdade”. Usada quando você ouve algo que é bem complicado de acreditar. Você vai dizer: C’est pas vrai ça e fazer aquela cara de dúvida. Ou também em algum momento de felicidade quando a notícia é tão boa, mas parece mesmo mentira, mas a intonação da voz e a cara é diferente, nesse momento é só felicidade.

(2) Avec plaisir!

Quer dizer ‘com prazer’ e é uma ótima maneira de aceitar um convite de algum amigo. Ou até mesmo para ajudar alguém quando você é solicitado. É a verdadeira gentileza francesa, que muitos ainda precisam conhecer de verdade. Você demonstra que você vai fazer alguma coisa bem feliz.

(3) Bon appétit!

Ao pé da letra: “Bom apetite”! Apenas para expressar o seu desejo de que a pessoa faça uma boa refeição, ou melhor, aprecie a sua refeição, mesmo se a comida não tenha a cara assim muito boa o que é importante mesmo é desejar o “Bon app” para os mais íntimos antes de começar a comer.

(4) C’est génial!

C’est génial, para expor uma grande emoção sobre alguma coisa. Quer dizer: “Uau! É genial! É muito bom!” Quando os franceses utilizam essa expressão é porque foi algo que eles realmente se interessaram, pois na maioria das vezes eles falam: “C’est pas mal” que quer dizer: “Isso não é ruim”.  É uma forma de dizer que é bom! Mas o que não é ruim, nem sempre é bom. Complicado hein? Mas é bem assim. Então quando você ouvir “C’est genial” é porque eles gostaram mesmo. Aliás o que é “genial”, é muito mais do que “pas mal”. Rs.

(5) À mon avis.

Para expressar a sua opinião em francês. Quer dizer ‘na minha opinião’ ou ‘a meu ver’. Você pode usar essa expressão antes ou depois de explicar o seu argumento sobre alguma coisa.

Vocês já conheciam essas expressões? Conhecem outras? Fale aqui pra gente, por favor. Dica: Para aprender um novo idioma é preciso primeiro gostar dele. Se você gosta do francês a tendência é aprender com muita facilidade. Vamos tentar ajudá-los com o novo projeto da página que está prestes a começar: aulas de francês de graça direto de Paris, então caso queira participar se inscreva no nosso canal no youtube> canal parisiloveyou. Merci à tous et à bientôt!

Curso on-line e gratuito de francês pela Aliança Francesa de Paris

Curso gratuito de francês
Curso gratuito de francês

Que tal aprender francês de graça pela AF de Paris? Esse é o momento. Para participar é preciso fazer sua inscrição (clique aqui) até o dia 22 de maio. As aulas começaram desde o dia 9 de maio e terão duração de sete semanas. São 2h de aula por semana.

O estudante tem acesso a vídeos, áudios, documentos, textos divertidos e aprenderá sobre gramática e vocabulário aplicados em exercícios. Além disso, será possível se comunicar com outros alunos em francês para treinar.

Todos os participantes serão avaliados automaticamente pela plataforma e pelos outros participantes do curso. Ao final do curso, os alunos que participaram vão receber um atestado de conclusão com suas notas.

Quem quiser participar do nosso curso  se inscreva no nosso canal no youtube (clique aqui). Estamos preparando um curso de francês de graça também e interativo aqui pelas ruas de Paris. E adicione também o nosso snap parisiloveyou – vamos dar dicas de Francês pelo snap.

Merci à tous et à bientôt!